Neste dia dos namorados, o coração dos portugueses fica em casa

10 de fevereiro de 2021 | Lisboa

- Compras sentimentais crescem seis vezes nos últimos dez anos -

- Oferta de Flores aumentou cinco vezes na última década -

- Refeições caseiras, um jantar “takeaway” em casa ou uma maratona de cinema em casa entre as melhores experiências românticas dos portugueses este ano -

- Este ano, 50% dos portugueses vão comprar online o presente para o Dia dos Namorados -

- Os europeus revelaram, ainda, que vão comprar mais no comércio local, a pequenas empresas mais perto de casa -

Os portugueses estão cada vez mais sentimentais e estão a investir mais do que nunca em presentes para o Dia dos Namorados. A conclusão é da edição deste ano do estudo da Mastercard #LoveIndex2021, que mostra que os gastos dos portugueses aumentaram seis vezes ao longo da última década e que, este ano, o coração fica em casa, com os casais a planearem os seus gastos para poderem passar um dia diferente, a pensarem no confinamento.

O estudo da Mastercard mostra os principais hábitos e tendências de consumo no dia mais romântico do ano, através da análise anonimizada das transações feitas em todo o mundo. Em Portugal, por exemplo, os dados mostram que, em relação à última década, a compra de experiências cresceu mais de 9 vezes, enquanto que as compras de flores cresceram 5 vezes e as idas ao restaurante multiplicaram por 3. Também a compra de joias mais do que quadruplicou ao longo da última década.

Este ano, e com o país em confinamento, as preferências de compra dos portugueses para o Dia dos Namorados estão todas centradas em atividades caseiras: um jantar romântico feito em casa ou de takeaway, uma maratona de cinema, um dia de SPA ou uma noite de jogo. Há também quem opte por um piquenique em casa, um encontro virtual ou por um passeio no parque mais próximo de casa.

As compras online também tiveram um crescimento acentuado de mais de 31 vezes ao longo da última década, um recorde histórico acompanhado de um crescimento de 191% das transações contactless em relação ao ano anterior (2019). Segundo o estudo da Mastercard, este ano, metade dos portugueses vai comprar presentes online para o Dia dos Namorados, enquanto 33% revela que vai fazer comprar o presente no comércio local e de proximidade.

E se a pandemia impediu que muitas pessoas pudessem ver os seus entes queridos na vida real, a verdade é que, em relação ao ano passado (2019), 13% dos portugueses conseguiu encontrar o amor da sua vida online e 21% fizeram encontros virtuais. Já 31% revelaram que tiveram encontros respeitando o distanciamento social e 17% chegou mesmo a inscrever-se em sites ou aplicações para namorar online.

O relatório também mostra, ainda, uma evolução em relação às atitudes em relação ao Dia dos Namorados. Por exemplo, 44% dos portugueses diz que está a ser mais criativo este ano do que em relação ao ano passado e 36% dizem que vão dedicar mais tempo ao Dia dos Namorados.

“O Mastercard Love Index tem produzido, ao longo dos últimos 10 anos, insights sobre o comportamento de compra e tendências de gastos a nível global no dia mais romântico do ano. Este ano, claro, foi diferente de qualquer outro, mas nem por isso as perspetivas de consumo deixam de estar em alta, uma vez que os europeus e os portugueses estão a optar pelas compras online e pelas experiências em casa, refere Rui Fonseca, Diretor de Desenvolvimento de Negócios da Mastercard. “O Dia dos Namorados tem sido, sem dúvida, um catalisador para o aumento do comércio eletrónico e, como resultado, temos sido capazes de apoiar mais pessoas a adotarem mais rapidamente a mudança para o digital, oferecendo uma experiência de compra online que é segura, simples e conveniente.”

As 10 experiências mais românticas para os portugueses no Dia dos Namorados em 2021:

  1. Uma refeição em casa 52%
  2. Uma refeição takeaway 34%
  3. Uma maratona de cinema 25%
  4. Um SPA em casa 11%
  5. Uma noite de jogo 9%
  6. Um passeio no parque 9%
  7. Um piquenique em casa 6%
  8. Um passeio pela cidade 5%
  9. Um encontro virtual (Zoom, Facetime etc.) 5%
  10. Um piquenique no jardim 4%

Contactos de imprensa

Gabriela Saltiel, Mastercard
+34 (913) 435787 | Gabriela.Saltiel@mastercard.com
Abigail Vistas, Generator
Luís Rosendo, Generator

Sobre o estudo Love Index 2021

Os dados foram obtidos pela Mastercard a partir da análise de transações em mais de 53 países em todo o mundo.

Adicionalmente, a empresa independente Fly Research questionou 19,000 adultos em 19 países em janeiro de 2021.

Sobre a Mastercard

A Mastercard (NYSE: MA), www.mastercard.com, é uma empresa global de tecnologia no setor de pagamentos. A nossa missão é ligar e impulsionar uma economia digital inclusiva que beneficie todos, em todos os lugares, tornando as transações seguras, simples, inteligentes e acessíveis. Usando dados e redes seguros, parcerias e paixão, as nossas inovações e soluções permitem ajudar indivíduos, instituições financeiras, governos e empresas a alcançar o seu maior potencial. O nosso quociente de decência, ou DQ, é um instrumento para impulsionarmos a nossa cultura e tudo o que fazemos dentro e fora da nossa empresa. Com ligações a mais de 210 países e territórios, estamos a construir um mundo sustentável que abre possibilidades inestimáveis para todos. A Mastercard é o único doador corporativo do Mastercard Impact Fund.